Menu Principal > Testemunhos



Jovem herdeiro, bilionário e austríaco, deixa tudo e entra em seminário, após ouvir Jesus, em Medjugorje.
Postado em 12/02/2019, às 13:10:19
 
Um jovem bilionário austríaco deixa tudo e vai para o seminário. Ele passou por Medjugorje.

Causou grande surpresa, no mundo econômico austríaco, a renúncia de um herdeiro bilionário, filho de uma família nobre. Georg Mayr Melnhof, de Salsburgo, 27 anos, nono de dez irmãos, graduado em Viena, depois de assumir a direção da empresa do pai, em 1995, decidiu-se, em setembro/2018, entrar para o seminário: “As coisas aconteceram assim”. Segue uma breve entrevista com ele:

"Estive em Medjugorje várias vezes, desde 1982, mas somente em 1987 tive a minha verdadeira conversão. Curado depois de meses de doença, nos quais pude refletir sobre as mensagens, embora meu medo de estar com as pessoas, fui chamado a guiar um grupo de jovens na Páscoa até Medjugorje. Um salto no abismo, mas ali começou a minha nova vida. Na manhã de 6 de setembro de 1987, novamente em Medjugorje, fui tocado por uma passagem da Bíblia: 'Ninguém poderá ser Meu discípulo, se não renunciar a todos os seus bens.' (Lc 14.33).

E durante a Missa que participei, logo depois em língua alemã, uma voz muito intensa me dizia para seguir aquele chamado. Voltando para casa, falei para minha mãe sobre o desejo de me tornar sacerdote, e ela me disse: “Rezemos por um ano por esta sua decisão”. E assim a minha vocação ficou parada durante ainda seis anos em minha velha vida: estudei economia e não me arrependo de tê-lo feito. Mas, em julho deste ano, compreendi claramente que, em Medjugorje, no ano de 1989, fui verdadeiramente chamado. Minha vocação veio de Maria."

Como reagiu a sua família?

Minha mãe não se maravilhou, porque fazia tempo que estava convencida de minha vocação. E quando, no ano passado, decidi deixar de lado o negócio da família, ficou sem palavras. Isto me disse somente depois. Aceitou minha decisão em silêncio e a acompanhou com suas orações. Depois teve a confirmação daquilo que sempre compreendeu. Meu pai, ao contrário, teve dificuldade em aceitar a minha decisão, sobretudo porque era o único filho homem em quem poderia confiar a empresa. Mas, sinto agora que ele percebe cada vez mais a benção deste minha escolha e não quer nada mais que os seus filhos sigam a sua estrada, para serem felizes e satisfeitos

Como você está agora, no seminário?

Estou muito entusiasmado da atmosfera que se respira no seminário de Salsburgo. Parte dos jovens conhece Medjugorje muito bem. Para nós, o Rosário é algo natural e também a Adoração Eucarística. Procuramos viver as mensagens de Maria. No final do ano, vamos a Medjugorje e, para mim, não é difícil colocar um aviso e convidar os outros seminaristas a participar da peregrinação. Constato que as pessoas reconhecem os frutos positivos que vem de Medjugorje -- e que entramos no seminário. É uma grande benção. Infelizmente, não é assim em todos os seminários austríacos.

Quais são os seus planos para o futuro?

Terminar os estudos o mais rapidamente possível, mas também satisfazer a vontade de Deus e fazer muito mais. Tantas pessoas ligadas a Medjugorje me pedem para fazer noites de oração… São poucos os sacerdotes que assumem plenamente as mensagens de Medjugorje. Ainda existe muito medo e muitos esperam que Medjugorje seja aprovada pela Igreja. Para mim, uma coisa é clara: Medjugorje muda profundamente as pessoas!

Você acha que os sacerdotes marianos são importantes hoje?

Maria afirma: os sacerdotes são os Meus filhos amados. Entendo, agora, porque Maria convida a todos a rezarem pelos sacerdotes, porque eles são atacados, todos os dias, e violentamente. Muitos sacerdotes têm grandes dificuldades com Maria, mas, depois eu penso: 'O que é um sacerdote sem Maria? Sem aquela profunda ligação com Ela?' Também a escolha de uma vida em celibato para mim será mais fácil, graças à minha profunda ligação com Maria.

E sobre o futuro da Igreja?

Nutro grande esperança. Os tempos mais difíceis na história da Igreja foram sempre os momentos de maior glória e bênção. Isto vemos, quando abrimos os olhos para o bem. Reconhecemos que o Senhor, nos momentos difíceis, intervêm como nunca, como em outros tempos, seja através de Medjugorje, seja através de movimentos de renovação.

Pensemos somente naquilo que acontece na França, com os jovens seminaristas: trata-se verdadeiramente de uma grande alegria, e é por isto que nutro grande esperança para o futuro da Igreja, porque está apoiada sobre a rocha, e a Palavra de Deus dura eternamente. O Senhor diz: 'Não se preocupem', também com relação à Igreja. São tantas coisas a se fazer, tantas coisas belas; e é verdadeiramente um pecado pensar somente em coisas ruins.

Matéria original: https://www.papaboys.org/un-giovane-miliardario-austriaco-lascia-tutto-e-va-in-seminario-e-passato-da-medjugorje/

 

 
 

Artigo Visto: 325 - Impresso: 0 - Enviado: 0

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.medjugorjeurgente.com.br